Três nematoides que causam doenças da uva

As doenças da uva podem ter diversas causas. Previamente, vimos alguns exemplos de fungos que afetam as videiras. Falamos sobre as suas características, sintomas e ações de controle. No entanto, outros organismos também podem infectar e causar doenças nas videiras.

Já vimos antes que os nematoides são importantes pragas para outras culturas. Eles também afetam a cultura da uva e têm o potencial de causar grandes perdas de produção.

Neste texto iremos falar de três nematoides que infectam as videiras. Também iremos falar sobre as ações que podem ser adotadas para o seu controle, bem como sobre a aplicação da análise genética para avaliar os nematoides de solos cultivados com uvas.

Nematoide-das-galhas também causa doenças na uva

Já conhecemos os nematoides-das-galhas antes, pois eles infectam vários tipos de plantas de interesse econômico.

Os nematoides-das-galhas pertencem ao gênero Meloidogyne. As três espécies mais importantes para a videira são as seguintes: Meloidogyne incognita, Meloidogyne javanica e Meloidogyne arenaria.

Como em outras plantas hospedeiras, o principal sintoma dos nematoides-das-galhas é a presença de galhas nas raízes. O tamanho das galhas varia em função da severidade da doença. Nos casos mais severos, quando as galhas são de maior tamanho, outros sintomas, associados com deficiência nutricional, podem surgir. Além disso, pode ocorrer perda da produção.

Doenças da uva associadas com Xiphinema

Outro exemplo de nematoide que infecta as videiras são os organismos do gênero Xiphinema. Este gênero de nematóides pode causar danos diretamente sobre a planta. Mas um fato curioso sobre estes organismos é que algumas das suas espécies servem de vetores para a diversas viroses da uva.

A espécie Xiphinema index, por exemplo, transmite o vírus da degenerescência da videira, uma das principais viroses desta espécie de planta. Os sintomas desta doença são observados em todas as partes das plantas e, como o nome sugere, se caracterizam como deformações. Além disso, manchas de vários tipos também estão presentes nas plantas afetadas por esta doença. Contudo, a incidência desta doença é baixa no nosso país.

O nematoide anelado Mesocriconema xenoplax

O nematóide anelado é outro exemplo de organismo que infecta múltiplos hospedeiros, especialmente espécies lenhosas de plantas, incluindo as videiras e os pessegueiros. Este nematoide apresenta uma ampla distribuição, tendo sido relatado em todos os continentes.

Os sintomas desta doença incluem o escurecimento das raízes, o que evolui para a destruição do tecido e atrofiamento do sistema radicular. O nematóide anelado foi associado com o declínio da videira, ao menos em algumas regiões produtoras. No entanto, ainda persiste a dúvida sobre a sua associação com este declínio.

Como podemos controlar as doenças da uva causadas por nematoides

Para o controle dos nematoides que afetam as videiras pode-se usar porta enxertos resistentes a estes organismos. Além disso, deve-se adotar práticas que ajudem a impedir a entrada do nematoide na plantação, como, por exemplo, o cuidado com as máquinas utilizadas e com os produtos aplicados.

Deve-se também utilizar mudas que não apresentam os nematoides. Por último, há a possibilidade de rotacionar as culturas com plantas que não hospedam os nematoides patogênicos ou que até possuem a capacidade de reduzir as suas populações.

Análise genética de nematoides da uva

Em todas estas ações de controle, é importante avaliarmos a presença dos nematoides no solo ou nas próprias plantas. Além dos métodos tradicionais de análise de nematoides, há a possibilidade de utilizar-se análises genéticas para avaliar estes organismos em uma plantação.

De um lado, podemos analisar toda a comunidade de nematoides. Isto permite não apenas conhecermos os organismos maléficos, como também aprendemos sobre os nematoides benéficos, que nós não queremos eliminar do solo. Uma análise genética da comunidade de nematoides pode ser feita com o produto Nemascan da Biome4All.

Por outro lado, pode-se diagnosticar determinadas espécies de nematoides de interesse, a fim de direcionar as nossas ações de controle. Isto pode ser feito pela técnica de qPCR, através do produto Biodetec da Biome4All.

Marcus Adonai Castro da Silva, microbiologista e cofundador da Biome4All

Benefícios do uso de Trichoderma na Agricultura

Benefícios do uso de Trichoderma na Agricultura

Conheça as formas de ação do Trichoderma na agricultura e como ele pode desencadear benefícios secundários no microbioma do solo.

Explorando os Vantagens dos Produtos Biológicos com o FB Tratamento

Explorando os Vantagens dos Produtos Biológicos com o FB Tratamento

Muitos produtos biológicos geram resultados notáveis, mas a explicação do porquê permanece um desafio. O FB tratamento vem para mudar isso!

Desvendando os Segredos da Produtividade Agrícola: O Papel Crucial da Microbiologia do Solo

Desvendando os Segredos da Produtividade Agrícola: O Papel Crucial da Microbiologia do Solo

A microbiologia do solo, um vasto universo de microrganismos, desempenha um papel fundamental na produtividade agrícola.

Como podemos te ajudar?