Manejo Integrado de Pragas: como a diversidade do solo pode ajudar?

Descubra como a boa relação entre o manejo integrado de pragas e a diversidade microbiana do solo pode tornar a lavoura mais saudável

O Manejo Integrado de Pragas (MIP) é a adoção de um conjunto de ações cujo objetivo é reduzir a presença de organismos prejudiciais na lavoura, de forma ecológica e sustentável. Entre as estratégias mais usadas estão o uso do potencial natural do solo e seus micro-organismos no combate a insetos e fungos causadores de doenças.

Neste texto, detalhamos a relação do Manejo Integrado de Pragas com a diversidade do solo e explicamos como elas podem colaborar efetivamente entre si. Confira:

Benefício do Manejo Integrado de Pragas

Um dos pilares do Manejo Integrado de Pragas são os agentes biológicos que inibem o crescimento de seres prejudiciais aos vegetais (bactérias, fungos e vírus). A grande vantagem em utilizá-los está na especificidade da ação de controle exercida por eles, ou seja, na capacidade de afetar determinadas pragas, poupando os outros componentes do ecossistema.

No entanto, como vários tipos de pragas podem afetar uma mesma cultura, é necessário utilizar agentes biológicos variados para manter a lavoura sempre saudável. Por isso, para realizar o manejo integrado de pragas corretamente, o produtor agrícola precisa se manter atento à manutenção da diversidade biológica do solo.

Manejo ecológico e diversidade

A relação entre MIP e diversidade microbiana é uma via de mão dupla, já que o manejo ecológico também melhora a diversidade do solo. Mas por que isto acontece?

Além de combater seres indesejados, os defensivos agrícolas químicos também podem agredir organismos benéficos, prejudicando o solo. Por isso, é comum que áreas com aplicação de defensivos agrícolas tenham menos diversidade biológica.

Dessa forma, o produtor abre mão do potencial natural do solo e, ironicamente, o torna mais vulnerável, já que eliminou seres que controlariam pragas organicamente.

Por outro lado, minimizar os defensivos e adotar o manejo ecológico, considerando múltiplos fatores e estratégias de controle, estimula o renascimento da lavoura.

Efeito da análise genética do solo no MIP

Ao analisar o solo geneticamente, o agricultor consegue “enxergar” se as ações do Manejo Integrado de Pragas (MIP) estão ajudando a florescer a vida microbiana. Além disso, a análise genética examina o potencial natural do solo no controle de pragas e ajuda a localizar, simultaneamente, bactérias e fungos nocivos.

Em resumo, todos esses benefícios podem ser obtidos a partir do uso da ferramenta Agri-Analysis, da Biome4All. Para saber mais sobre ela, entre em contato conosco!

Texto: Marcus Adonai Castro da Silva, microbiologista e cofundador da Biome4All

Benefícios do uso de Trichoderma na Agricultura

Benefícios do uso de Trichoderma na Agricultura

Conheça as formas de ação do Trichoderma na agricultura e como ele pode desencadear benefícios secundários no microbioma do solo.

Explorando os Vantagens dos Produtos Biológicos com o FB Tratamento

Explorando os Vantagens dos Produtos Biológicos com o FB Tratamento

Muitos produtos biológicos geram resultados notáveis, mas a explicação do porquê permanece um desafio. O FB tratamento vem para mudar isso!

Desvendando os Segredos da Produtividade Agrícola: O Papel Crucial da Microbiologia do Solo

Desvendando os Segredos da Produtividade Agrícola: O Papel Crucial da Microbiologia do Solo

A microbiologia do solo, um vasto universo de microrganismos, desempenha um papel fundamental na produtividade agrícola.

Como podemos te ajudar?